Em 2020, o Inoves chega em sua 14º edição apoiando e impulsionando equipes e suas iniciativas inovadoras em todos os estágios de maturidade, desde as fases de Ideia, Projetos em Desenvolvimento e Projetos de Resultados comprovados.

Podem participar equipes de servidores públicos que desenvolvam ideias ou projetos no contexto do serviço público estadual e municipal, dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, do Tribunal de Contas, do Ministério Público e da Defensoria Pública do Espírito Santo.

O Prêmio também visa aproximar o Estado e o cidadão, com o intuito do usuário conhecer as ações do governo e participar ativamente no processo de avaliação e reconhecimento de iniciativas públicas.

Em todo início de uma jornada, o olhar é fundamental para buscar caminhos que possibilitem novas experiências, ajudando no crescimento, trocas e na construção de valores. Sabemos que caminhos são feitos de escolhas, desafios, coragem, incertezas, persistência e, se caminhado com diferentes olhares, este crescimento é ainda maior para todos.

Sem dúvida, a colaboração é grande aliada a fim de enfrentar novos rumos. Para identificar os caminhos que ajudem as pessoas a crescer, é preciso ter iniciativa para buscar o novo, dar as mãos e seguir em frente, enfrentando os desafios, para vencer.

Assim, o Prêmio Inoves, Ciclo 2020, desperta o desejo de conhecer quais são as iniciativas que constroem novos caminhos, para que ao longo desses trajetos, consigam agregar valores positivos, somar boas experiências e possibilitar crescimento para todas as pessoas.

 

 

São 3 categorias para premiação. Em cada categoria, as equipes contarão com apoio e reconhecimento para o aprimoramento, ampliação e/ou multiplicação de iniciativas inovadoras.


Etapas: O processo de avaliação das iniciativas inscritas no Prêmio Inoves observará as seguintes etapas:


Saiba mais sobre o Prêmio Inoves
Ciclo 2020 através do regulamento.

 

 

Tem interesse em avaliar iniciativas públicas inovadoras? Essa é a sua chance de fazer parte da BANCA AVALIADORA do Prêmio Inoves no ciclo 2020.

DÚVIDAS FREQUENTES

  • O processo de reconhecimento de ideias e projetos, que caracteriza o Prêmio Inovação na Gestão Pública do Estado do Espírito Santo – PRÊMIO INOVES”, em sua 14ª edição, observará, para a qualificação dos projetos inscritos, as seguintes categorias:

    1. IDEIA: iniciativas inovadoras não implantadas que visem a mudança e/ou criação de processo, produto ou serviço com potencial de gerar benefício perceptível para a sociedade, o estado e/ou servidor público e que tenham necessidade de apoio para sua implementação.
    2. PROJETO EM DESENVOLVIMENTO: iniciativas inovadoras em fase de execução, mas ainda sem resultados comprovados, com potencial de gerar benefício perceptível para a sociedade, o estado e/ou servidor público e que tenham necessidade de apoio para sua retomada, continuidade ou ampliação.
    3. PROJETO DE RESULTADOS: iniciativas inovadoras com resultados comprovados, que tenham gerado benefício perceptível para a sociedade, o estado e/ou servidor público, e que tenham necessidade de apoio para seu aprimoramento, ampliação e/ou multiplicação.
  • São consideradas Organizações Responsáveis as organizações que dividem a responsabilidade pela execução presente ou futura da iniciativa. Todas devem ser identificadas no ato da inscrição e no Relatório de Gestão, porém, apenas uma será indicada como organização responsável.

    São consideradas parceiras as organizações que, de alguma forma não remunerada, contribuem para a realização de uma ou mais ações previstas na iniciativa, estas devem ser indicadas apenas no Relatório de Gestão.

  • Poderão participar do Prêmio Inoves – Ciclo 2020 as equipes de servidores públicos que desenvolvam ideias ou projetos no contexto do serviço público estadual e municipal, dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, do Tribunal de Contas, do Ministério Público e da Defensoria Pública do Espírito Santo.

  • Não há limite quanto ao número de iniciativas inscritas pela mesma organização pública.

    Porém, cada servidor poderá participar de, no máximo, 5 (cinco) iniciativas como membro de equipe.

    Já na função de coordenador o servidor somente poderá inscrever duas iniciativas.

    O servidor que ultrapassar o limite de participações estabelecido será eliminado das últimas inscrições cronologicamente, sem prejuízo às iniciativas e demais servidores das equipes.

  • O servidor pode participar de até 5 (cinco) iniciativas, porém, só poderá ser coordenador de duas delas.

    O servidor que ultrapassar o limite de participações estabelecido será eliminado das últimas inscrições cronologicamente, sem prejuízo às iniciativas e demais servidores das equipes.

  • Sim. Cada equipe pode inscrever um grupo de apoio técnico composto por, no máximo seis trainees e/ou estagiários, sendo que o número de inscritos neste grupo de apoio não pode exceder o número de servidores públicos na equipe.

  • Pode. As iniciativas são avaliadas não somente pelos resultados obtidos mas por todo o processo de desenvolvimento (Ideia, Projeto em Desenvolvimento e Projeto de Resultados). Entendemos que todas as fases de um projeto merecem apoio, por isso, se você tem um projeto que já participou de outros ciclos do Prêmio Inoves ele pode ser inscrito no Ciclo 2020 para ser melhorado, ampliado ou até mesmo replicado.

  • Pode, mas apenas nos casos em que a iniciativa não tenha sido premiada no Ciclo 2018.

  • As iniciativas inscritas serão avaliadas de acordo com os seguintes critérios:

    1. Caráter Inovador
    2. Efetividade dos Resultados
    3. Foco nas Pessoas
    4. Relevância Social
    5. Uso Eficiente de Recursos Públicos
    6. Transparência e Controle Social
    7. Desenvolvimento de Parcerias
    8. Sustentabilidade
    9. Replicabilidade

    A aplicabilidade dos critérios à categoria da sua iniciativa deve ser consultada no Regulamento do Prêmio Inoves.

  • As iniciativas vencedoras dos públicos Poder Executivo Estadual e Poder Executivo Municipal nas três categorias e na Premiação Extra - Voto Popular serão contempladas com os seguintes prêmios:

     

    - Até R$30.000,00 (trinta mil reais) para investimento na iniciativa;

    - Apoio técnico para desenvolvimento da iniciativa;

    - Certificado de iniciativa vencedora;

    - Selo Inoves, referência que garante lugar de destaque para a iniciativa no Banco de Iniciativas Inovadoras do Prêmio.

     

    As iniciativas vencedoras do público Outros Poderes (Legislativo e Judiciário, do Tribunal de Contas, do Ministério Público e da Defensoria Pública do Espírito Santo) nas três categorias serão contempladas com os seguintes prêmios:

     

    - Certificado de iniciativa vencedora;

    - Selo Inoves, referência que garante lugar de destaque para a iniciativa no Banco de Iniciativas Inovadoras do Prêmio.

  • Serão premiadas 12 (doze) iniciativas por meio de avaliação da Banca Avaliadora e mais 1 (uma) por voto popular.

    A iniciativa vencedora da Premiação Extra - Voto Popular também poderá ser escolhida como vencedora pela Banca Avaliadora. Nesse caso, o projeto vencedor poderá acumular as duas premiações.

    Lembrando que somente receberão apoio técnico-financeiro as iniciativas dos Poderes Executivos Estaduais e Municipais. As iniciativas dos outros poderes serão premiadas com certificados e Selo Inoves.

  • Visando a promover maior equidade, as iniciativas concorrerão nas categorias de acordo com a natureza da instituição a que estão vinculadas, desta forma:

    - Iniciativas vinculadas ao Poder Executivo Municipal concorrerão entre si;
    - Iniciativas vinculadas ao Poder Executivo Estadual concorrerão entre si;
    - Iniciativas vinculadas a Outros Poderes (Legislativo e Judiciário, do Tribunal de Contas, Ministério Público e Defensoria Pública do Espírito Santo), concorrerão entre si.

  • Não, porque as iniciativas do Poder Excutivo Estadual concorrem entre si. O mesmo é válido para as iniciativas do Poder Executivo Municipal ou dos Outros Poderes. As iniciativas podem ser inscritas por uma das organizações e ter a outra como parceira, concorrendo dentro público-alvo da organização responsável.

  • Sim. Empresas públicas devem ser inscritas como Poder Executivo Estadual.

  • O período de inscrições para participação no Ciclo 2020 do Prêmio Inoves é até 12 de outubro de 2020.

  • Após inscrever sua iniciativa e receber o e-mail de comprovação é necessário aguardar as próximas etapas da premiação. O calendário com as datas de cada etapa pode ser consultado na página inicial do inoves.es.gov.br.

  • O Prêmio Inoves – Ciclo 2020 é composto por 4 etapas:

    Etapa I – Análise de Conformidade

    Etapa II – Avaliação dos Relatório de Gestão

    Etapa III – Voto Popular

    Etapa IV – Apresentações

  • A Análise de Conformidade será realizada pela Coordenação do Prêmio, analisando se as iniciativas cumprem os pré-requisitos estabelecidos para cada categoria.

  • A Banca Avaliadora do Prêmio Inoves será composta por especialistas com reconhecida atuação em inovação em organizações públicas ou privadas, com ou sem fins lucrativos, que serão selecionados, convidados e gerenciados pela Coordenação do Prêmio.

    O processo de constituição, formação e designação da Banca Avaliadora do Prêmio Inoves observará regras rígidas em relação a conflitos de interesse reais e potenciais.

  • Para se tornar avaliador do Prêmio Inoves – Ciclo 2020, basta acessar o site https://inoves.es.gov.br/banca-avaliadora.

    Antes de executar a inscrição por este formulário, recomendamos a leitura do Regulamento que rege o Prêmio e o Edital de Chamamento Público para Seleção de Avaliadores.

    Data limite para inscrições: 28 de setembro de 2020.

  • Membros de equipes concorrentes ao Prêmio Inoves 2020 não poderão ser avaliadores em nenhuma das categorias.

    Todo candidato a ser avaliador do Prêmio Inoves – Ciclo 2020 declara que não faz parte de nenhuma equipe de iniciativas concorrentes.

  • Além das premiações por categorias, o Ciclo 2020 atribuirá ainda a Premiação Extra - Voto Popular, que será definida em votação aberta à sociedade no site do Prêmio.

    Será vencedor o projeto e o Servidor que obtiverem que obtiver o maior número de votos ao final do período de votação popular.

    Maiores informações sobre as inscrições para os prêmios extras poderão ser consultadas no Regulamento do Prêmio Inoves.

  • Apenas iniciativas do Poder Executivo Estadual, da categoria Projeto de Resultados poderá participar da Premiação Extra – Voto Popular.

    A opção pela participação da Premiação Extra - Voto Popular deve ser feita no momento da inscrição.

    Um vídeo de no máximo dois minutos de duração e hospedado no YouTube, Vimeo ou Google Drive, deve compartilhado somente com a Coordenação do Inoves, via e-mail premioinoves@gmail.com até o dia 13 de novembro.

  • O vídeo deve ter no máximo dois minutos de duração e hospedado no YouTube, Vimeo ou Google Drive e compartilhado somente com a Coordenação do Inoves, via e-mail premioinoves@gmail.com até o dia 13 de novembro.

    Iniciativas que não enviarem o vídeo nos termos acima mencionados, serão desclassificados da Categoria Voto Popular.

  • A Premiação Extra - Voto Popular não é cumulativa com a categoria de Projetos de Resultados reconhecida pela Banca Avaliadora. Caso uma iniciativa seja reconhecida em ambas as categorias, receberá os certificados de reconhecimento, porém o recurso relativo ao Voto Popular e a respectiva participação no programa de aceleração serão transferidos à próxima iniciativa mais votada.

  • As iniciativas mais bem pontuadas na Etapa II – Avaliação dos Relatórios de Gestão, dos públicos-alvo Poder Executivo Estadual e Poder Executivo Municipal, serão consideradas finalistas e convocadas para a Etapa IV – Apresentações, estas deverão realizar uma apresentação para a banca avaliadora que indicará as vencedoras do Prêmio Inoves – Ciclo 2020.

    Os vencedores do público-alvo Outros Poderes serão definidos a partir dos resultados da Etapa II – Avaliação dos Relatórios de Gestão.

  • A entrega da premiação e o reconhecimento das iniciativas vencedoras estão previstas para ocorrer em Cerimônia de Premiação, no dia 22 de dezembro de 2020.

    Após essa data, o resultado será disponibilizado no site do Prêmio Inoves.

     

    O cronograma detalhado com as datas previstas de realização para cada uma das Etapas encontra-se em inoves.es.gov.br

  • Após a escolha dos vencedores terá início o processo de apoio técnico-financeiro. O processo será realizado com supervisão do Laboratório de Inovação na Gestão – LAB.ges e os recursos financeiros serão disponibilizados via modalidade de apoio a projetos pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo – FAPES e passarão pelas etapas de formalização regulamentadas pelo Órgão.

    O prazo para desenvolvimento das iniciativas vencedoras será de doze meses, podendo ser prorrogado por igual período.

    O prazo para a realização das ações de capacitação do servidor vencedor será de seis meses, podendo ser prorrogado por igual período.

    Maiores informações sobre o Processo de Incubação podem ser encontradas no Regulamento do Prêmio Inoves.

  • A promoção por meio de seleção é a passagem do servidor público efetivo de uma classe para a outra, na mesma carreira.

     

    A Lei Complementar Nº 640, de 12 de setembro de 2012, que dispõe sobre as regras de promoção por seleção, estabelece, em seu artigo 30, que a participação no Inoves será considerada nesse processo de movimentação vertical de carreira por meio de pontuação atribuída ao projeto, de acordo com sua classificação no ciclo.

     

    O servidor público do Poder Executivo estadual, integrante de equipe responsável pela coordenação de trabalho participante do Inoves, poderá concorrer à promoção por seleção apresentando comprovante de sua participação na equipe de inovação, esta requerida a partir de um formulário disponibilizado no site do Prêmio e devidamente atestada pela Coordenação do Inoves.

  • Mande-nos a sua pergunta para o e-mail premioinoves@gmail.com.

    As mensagens encaminhadas serão respondidas em dias úteis, das 9h às 18h.